quinta-feira, 28 de novembro de 2013

E você, tem reclamado de que???



Vivi há uns nove anos atrás uma situação que marcou minha vida. E toda vez que a tristeza ou a melancolia tentam fazer morada em meu coração, Deus me trás a memória esse episódio.

Certo dia acordei muito triste e angustiado. Fazia alguns meses que eu havia me acidentado e segui para a fisioterapia com o semblante fechado, sem conversar com ninguém e sem olhar ou dar bom dia para as pessoas que en
contrava. Aquele dia eu estava muito revoltado, irado, indignado pelo fato de ter ficado sobre uma cadeira de rodas.

A única pessoa que eu conversava naquela manhã era com Deus. E em silencio eu ia perguntando ao Senhor:

- Porque Deus? Porque o Senhor permitiu esse acidente? Não posso mais andar, correr, ficar em pé com a força das minhas pernas. Não posso mais caminhar à beira do mar e sentir a água tocar meus pés. Não poso mais sentir o orvalho da manhã ao pisar na grama molhada. Porque meu Deus, por quê?

Fui falando e questionando a Deus tudo que eu não podia mais fazer. Tudo que tinha perdido.

Ao chegar à fisioterapia, a primeira atividade foi a terapia em grupo. Entrei na sala calado, com a cara fechada e fiquei no meu canto, sem puxar papo com ninguém. Foi quando encostou um rapaz do meu lado e ali permaneceu. Eu estava tão absorvido pelos meus sentimentos, que nem dei muita atenção para aquele moço. Não sei como chegou, se alguém o trouxe ou se entrou ali empurrando sua cadeira de rodas. O que eu também não sabia, era que dentro de poucos minutos a presença daquele rapaz do meu lado mudaria minha forma de pensar pelo o resto da vida. Num determinado momento ele olha para mim e diz:

- Leandro, por favor, você pode pegar a garrafinha de água que está no bolso lateral da minha mochila pendurada na parte de trás da minha cadeira?

Claro! Respondi-lhe de prontidão. Abaixei para pegar a tal garrafinha e em seguida estiquei em sua direção para que ele pudesse puxá-la e assim saciar sua sede. Depois de alguns segundos segurando a garrafa à sua frente e sem entender porque ele não a pegava, ele falou:

- Por favor, você pode abrir a tampinha e em seguida colocar a água na minha boca? É que eu sou tetraplégico e não consigo mexer meus braços, só mexo o pescoço. Não consigo beber, comer, vestir e realizar minhas necessidades fisiológicas se não tiver alguém para me auxiliar. Você pode me ajudar neste momento a beber água? Ah, e aproveita e tira esse mosquitinho que pousou no meu rosto. Ele acha que é pista de pouso.

Aquilo foi um nocaute nos pensamentos que tomavam conta da minha alma naquela manhã. Pensei envolto em um sentimento de vergonha e agradecimento: Enquanto eu estou aqui, reclamando por não andar, não pisar na grama ou sentir a água do mar, esse rapaz não pode sequer mexer as próprias mãos para matar a sede ou simplesmente afastar um pequeno inseto que pousou em seu rosto. Meu Deus, o que eu estou reclamando?

Naquele mesmo instante mudei meus pensamentos e percebi que a minha deficiência me impunha inúmeras dificuldades, mas ainda assim eu tinha muitas coisas pelas quais deveria agradecer. Tantas possibilidades na minha vida, enquanto outros...

Já parou para pensar quanto tempo a gente perde reclamando pelo que não tem e se esquece de agradecer a Deus pelo que tem, o que pode fazer e por tudo que Deus já nos concedeu?


Por:
Leandro Cussolini

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

SERÁ REALIZADA EM PALMEIRINA A 9ª CAVALGADA DA INDEPENDÊNCIA



Será realizada em Palmeirina  a 9ª Cavalgada da Independência no dia 22 de dezembro de 2013.
O evento terá o apoio do ex-prefeito o Sr. EUDSON CATÃO e do Governador o Sr. EDUARDO CAMPOS.

Campanha Rodovias Estaduais - Agreste


Campanha do Governo do Estado vem falando de Palmeirina com sua rodovia que liga a poço comprido a PE-187 e uma entrevista com nossa conterrânea Ataciana Maria Viana lá da Baixa Grande.




quarta-feira, 20 de novembro de 2013

Ônibus de Empresa Garanhuense incendeia em Rodovia Alagoana


Passageiros de Garanhuns tomaram um susto na manhã desta quarta-feira, dia 20, na rodovia BR-104, próximo ao município de Messias-AL. Um ônibus da empresa garanhuense Transtil, que seguia para Maceió, pegou fogo inesperadamente. Todos os ocupantes conseguiram sair a tempo do veículo.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado para controlar as chamas do ônibus interestadual, porém, um carro-pipa pertence a uma usina passava no momento e conseguiu controlar o incêndio.

Um representante da Empresa afirmou que todos os passageiros conseguiram deixar o veículo antes que as chamas se propagassem. Apesar do susto não houve feridos. A Empresa vai investigar as causas do Incêndio.
(Com informações e imagem do Aqui Acontece/Alagoas).  

terça-feira, 19 de novembro de 2013

PROFESSORES FAZEM FESTA PARA PAULO LINS



Funcionários da Secretaria de Educação do Estado e da GRE do Agreste Meridional organizaram hoje um almoço, no Restaurante Chez Pascal, para comemorar o aniversário do professor Paulo Lins. Foi uma festa simples, mas bonita, com direito à música, boa comida e um bolo preparado especialmente para a ocasião. Cerca de 180 pessoas compareceram, a maioria gestores das escolas de Garanhuns e da Região, professores e amigos do aniversariante. Dentre os políticos o único presente foi o Secretário Geral da Codeam e ex-prefeito de Palmeirina, Eudson Catão. 

Ao usar da palavra, Eudson destacou o trabalho de Paulo Lins na área da educação e suas inúmeras amizades nos diversos municípios do Agreste. "Paulo é uma pessoa do bem", frisou o ex-prefeito.

O tradicional "parabéns pra você" foi cantado pelos que estavam no restaurante, deixando o professor emocionado e quase sem condições de agradecer. A mãe de Paulo, a esposa, filhos e netos não puderam comparecer por compromissos diversos, mas enviaram uma bela mensagem que foi lida por uma das funcionárias da GRE. Duas irmãs do gestor representaram a família no encontro do Chez Pascal.

Paulo completou 52 anos de idade.

Angelim: Ainda Rendendo Frutos, Selo UNICEF Edição 2009-2012

Uma comitiva, da cidade de ANGELIM-PE, esteve nesta quinta feira, dia 14 de Novembro, no auditório Tabocas, no Centro de convenções, em Olinda-PE, onde aconteceu a solenidade de premiação do Selo UNICEF, para os município que mais se destacaram, no estado de Pernambuco, na promoção dos direitos da criança e do adolescente. O Fundo das Nações Unidas para Infância (UNICEF) outorga esta premiação, em 2013, para trinta e uma cidades de Pernambuco, entre elas o município de ANGELIM, que se fez presente através da Prefeita VANDA CORDEIRO, o assessor de Gabinete EDUARDO NEVES, a articuladora SIMONE KARLA, a presidente do Conselho de Direito DAYANE KARINE e PEDRO ANTÔNIO DA SILVA e a Jovem AMANDA
selo unicefA solenidade contou com importantes nomes da política pernambucana, como o Governador Eduardo Campos, o Secretário da Juventude do estado, Pedro Eurico e os 31 Prefeitos das cidades contempladas, além da representante UNICEF no Brasil, Antonela Scolamiero e a cantora Fafá de Belém que representou a Amazônia. Após a abertura usaram da tribuna, a garota Laís Tamires, de Salgueiro, representando todas as crianças dos municípios presentes, a representante UNICEF, o Secretário da Juventude, Fafá de Belém, o Prefeito de Caruaru José Queirós que discursou em nome dos prefeitos e o Governador Eduardo Campos, que encerrou o evento e destacou o trabalho feito pelos 31 municípios contemplados, seqüenciando as falas dos outros oradores, que falaram sobre erradicação do trabalho infantil, redução de mortalidade, enfrentamento as drogas, programas de creches e o avanço de Pernambuco que foi o estado brasileiro que conseguiu reduzir a mortalidade em 81%.
1461772_550788221661863_1219120312_n
Após receberem os troféus os prefeitos posaram para a foto oficial e o Governador, Eduardo Campos enfatizou a doação para estes municípios, em Fevereiro de 2014, de veículos vans que serão utilizados pelas secretarias de saúde das cidades premiadas com o selo UNICEF. A cidade de ANGELIM recebe pela Primeira vez o Selo UNICEF pelo excelente trabalho que tem desenvolvido na manutenção dos direitos de crianças e adolescentes.
“Parabenizamos a todos pela conquista do Selo Unicef Município Aprovado. Foi de grande importância a participação de cada pessoa envolvida, de cada mão que trabalhou de cada cabeça que pensou de cada corpo que se moveu, de cada um que direta ou indiretamente colaborou. Foi um momento marcante em nossa caminhada Rumo ao Selo Unicef e principalmente pela melhoria da qualidade de vida de crianças e adolescentes que vivem a mercê de nossas ações e decisões.” Disse a Prefeita VANDA CORDEIRO.

Fonte:http://agresteviolento.com.br

Pese muito bem a diferença entre QUERER e PRECISAR !

A vida a gente leva... a casa?????
Reflita!!!


Não deixe suas panelas brilharem mais do que você!!!!
Não leve a faxina ou o trabalho tão a sério! Pense que a camada de pó vai proteger a madeira que está por baixo dela! Uma casa só vai virar um lar quando você for capaz de escrever “Eu t
e amo” sobre os móveis! Antigamente eu gastava no mínimo 8 horas por semana para manter tudo bem limpo, caso “alguém aparecesse para visitar” – mas depois descobri que ninguém passa “por acaso” para visitar – todos estão muito ocupados passeando, se divertindo e aproveitando a vida!

E agora, se alguém aparecer de repente? Não tenho que explicar a situação da minha casa a ninguém...as pessoas não estão interessadas em saber o que eu fiquei fazendo o dia todo enquanto elas passeavam, se divertiam e aproveitavam a vida… Caso você ainda não tenha percebido: A VIDA É CURTA… APROVEITE-A!!! Tire o pó… se precisar… Mas não seria melhor pintar um quadro ou escrever uma carta, dar um passeio ou visitar um amigo, assar um bolo e lamber a colher suja de massa, plantar e regar umas sementinhas? Pese muito bem a diferença entre QUERER e PRECISAR !

Tire o pó… se precisar… Mas você não terá muito tempo livre… Para beber champanhe, nadar na praia (ou na piscina), escalar montanhas, brincar com os cachorros, ouvir música e ler livros, cultivar os amigos e aproveitar a vida!!! Tire o pó… se precisar… Mas a vida continua lá fora, o sol iluminando os olhos, o vento agitando os cabelos, um floco de neve, as gotas da chuva caindo mansamente…. - Pense bem, este dia não voltará jamais!!! Tire o pó… se precisar… mas não se esqueça que você vai envelhecer e muita coisa não será mais tão fácil de fazer como agora… E quando você partir, como todos nós partiremos um dia, também vai virar pó!!! Ninguém vai se lembrar de quantas contas você pagou, nem de sua casa tão limpinha, mas vão se lembrar de sua amizade, de sua alegria e do que você ensinou.
AFINAL: “Não é o que você juntou, e sim o que você espalhou que reflete como você viveu a sua vida.

sábado, 16 de novembro de 2013

Maldito o homem que confia em outro homem...


Depois do “faça que eu te ajudarei” e “a voz do povo é a voz de Deus”, uma das frases mais faladas (infelizmente) 
“Maldito o homem que confia no homem, e faz da carne o seu braço, e aparta o seu coração do SENHOR!” é bíblico e encontra-se em Jeremias 17:5
Mas “Bendito o homem que confia no SENHOR, e cuja confiança é o SENHOR.”

 (Jeremias 17:7)
Quem confia no Senhor, primeiramente conversa com ele e aguarda uma resposta dele antes de tomar uma decisão envolvendo outro ser humano ou uma questão humana importante.
Por que “Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e perverso; quem o conhecerá?” (Jeremias 17:9)

quarta-feira, 13 de novembro de 2013

DICAS PARA ALIVIAR A ANGÚSTIA:


1. Tire os pensamentos do foco de tensão, nem que seja por alguns minutos. Quando temos um problema, não paramos de pensar nele. Então, procure desviar conscientemente o pensamento. Como? Ocupando por querer a sua mente! Veja um filme ou um programa que goste. Jogue paciência ou outra coisa que te distraia. Arrume o armário. Cuide do jardim. Vá ao shopping. Enfim!! Pare de pensar conscientemente. O inconsciente, que não para nunca, trabalhará seus pensamentos por você neste período.

2. Procure um bom amigo(a). Na hora de angústia, ter alguém para ouvir o que estamos sentindo é fundamental. Alguém com quem você possa se abrir de verdade e falar tudo o que pensa. Tudo mesmo. Por isso, procure alguém que saiba te ouvir sem te julgar. Depois ouça o que seu amigo(a) tem para te dizer.

Senac oferece novos Cursos Gratuitos




Terminam nesta quarta-feira, dia 13, as inscrições para cursos gratuitos do Senac nos municípios de Garanhuns, Lagoa dos Gatos e Passira. São 281 vagas em cursos de garçom, atendente de lanchonete, costureiro, inglês básico, espanhol básico, manicure e pedicure, auxiliar administrativo, entre outros. As vagas estão sendo ofertadas através do Programa Senac de Gratuidade (PSG).

 As inscrições são feitas exclusivamente pelo site da instituição:www.pe.senac.br/psgnet/ .
 
Para participar, os interessados devem atender a pré-requisitos como ser aluno matriculado ou egresso da educação básica, ter renda familiar de até dois salários mínimos e ser trabalhadores empregados ou não, além de atenderem aos requisitos do curso escolhido.
 

Cada candidato deve escolher apenas uma capacitação e se inscrever somente uma vez. As vagas serão preenchidas de acordo com a ordem de inscrição e enquanto houver disponibilidade.
 O resultado será anunciado nesta quinta-feira, dia 15, no site:www.pe.senac.br/psgnet/. Dúvidas podem ser esclarecidas pelo telefone 0800 081 1688.

quinta-feira, 7 de novembro de 2013

Jó sempre adorou a Deus!!!

Jó, sempre adorou a Deus e tudo que ele tinha prosperava era grande sua riqueza.
Jó, sempre honrou a Deus,mas o astuto inimigo para Deus, assim veio falar:
É fácil adorar, tendo gado e terras,é fácil adorar, tendo rebanho de ovelhas é fácil adorar, tendo uma família linda, tendo tudo que deseja.
Foi ai que satanás para Deus assim propôs:
Deixa eu tocar nos bens dele e veremos o depois quando a um nada se tornar, te garanto que este homem jamais vai te adorar.
Jó foi humilhado, ao pó foi lançado.
Mas Ele adorou a Deus,mesmo no vale, sendo provado não deixou de adorar.
Mesmo humilhado!!!
Jô lançou-se sobre a terra e adorou e falou pra todo inferno escutar:
Nu saí do ventre da minha mãe e é nu que voltarei para lá.
Tudo o que eu tinha era de Deus,Deus me deu e ele mesmo tomou
Cai por terra o inimigo de Deus e louvado seja o nome do Senhor.
Já pensou na situação de Jó???
Ele enterrou 10 filhos no mesmo dia.
Ele perdeu todos os seus bens de uma vez só.
Quantas tragédia de uma só vez na vida desse homem.
E sua mulher, pra ele disse assim:
Amaldiçoa este Deus e morra de uma vez por todas ponha nesta história um fim.
Jó falou:
_Como uma louca, falas tu mulher,amaldiçoo o dia em que eu nasci,mas ao Senhor, adorarei até o fim.
_Bom,todos com certeza ficaram falando que ELE deveria ter feito algo de errado para sobrevir tantas coisas na vida dele.
Mas Deus falou isso sobre Jó:
Jó; e era este homem íntegro, reto e temente a Deus e desviava-se do mal.
(Jó 1:1)
E disse o Senhor a Satanás: Observaste tu a meu servo Jó? Porque ninguém há na terra semelhante a ele, homem íntegro e reto, temente a Deus, e que se desvia do mal.
Jó 1:8
Jó adorou, a prova passou,Deus devolveu em dobro o que ele perdeu.
Assim é contigo, o plano do inimigo é mostrar que em meio à prova você trai a Deus.
É só adorar, é só exaltar, em meio a tempestade que o Senhor te vê.
Será que seus problemas são maiores que o de Jó???
Será que você têm mesmo motivos para reclamar da vida???
Em tudo isto Jó não pecou, nem atribuiu a Deus falta alguma.
Jó 1:22
Faça como Jó, só adore o REI dos REIS; na alegria e na tristeza.

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Escara


  As escaras, também conhecidas por úlceras de pressão ou úlceras de decúbito, 
correspondem a um tipo especial de lesões da pele, de extensão e profundidade variáveis. 
A principal causa da formação de escaras é a deficiência prolongada na irrigação 
de sangue e na oferta de nutrientes em determinada área do corpo, em virtude da pressão externa exercida por um objeto contra uma superfície óssea ou cartilaginosa.
 Umidade e fricção são condições que ajudam a agravar o quadro.
As feridas podem aparecer em diversas regiões de apoio do corpo,
especialmente atrás da cabeça, nas costas, na articulação do quadril, 
no cóccix, nas nádegas, cotovelos e calcanhares.
Pessoas em cadeiras de rodas estão mais sujeitas a desenvolver escaras
na região do ísquio, osso que serve de apoio ao corpo na posição sentada.
Insuficiência venosa crônica pode provocar uma ulceração nas pernas chamada
 escara isquêmica.
Grupos de risco
Correm risco maior de desenvolver escaras:
As pessoas idosas, acamadas ou imobilizadas durante muito tempo, as desnutridas,
as portadoras de diabetes, incontinência fecal e/ou urinária, aquelas com comprometimento
do nível de consciência ou perda da sensibilidade tátil ou térmica e os cadeirantes.

Diagnóstico
Diversas enfermidades podem estar associadas a lesões ulcerativas da pele. 
A biópsia e o exame de cultura são recursos importantes para estabelecer o 
diagnóstico diferencial, nos casos em que a causa da escara não esteja suficientemente esclarecida.

Classificação e sintomas
Nas pessoas com a sensibilidade preservada, as escaras doem muito. 
Caso contrário, podem evoluir sem que o paciente se dê conta de sua presença.
De acordo com a gravidade da lesão, elas podem ser classificadas em quatro graus
diferentes:
Grau 1 – Eritema ou hiperemia: 
a lesão atinge as camadas superficiais da pele, que permanece íntegra.No local, 
surge uma mancha avermelhada que costuma desaparecer depois de algum tempo, se a pressão for aliviada;
Grau 2 – Isquemia: 
o ferimento compromete todas as camadas da pele e o tecido subcutâneo e, pode
 formar-se uma bolha, aparecer uma esfoladura ou um orifício superficial na área afetada;
Grau 3 – Necrose: 
a lesão e atinge o tecido muscular, adquire coloração arroxeada e pode abrigar um nódulo endurecido;
Grau 4 – Ulceração: 
a lesão progride em profundidade, há destruição da pele e dos músculos; 
os ossos e articulações ficam expostos.
Prevenção
A principal medida para prevenir a formação de escaras é mudar a posição dos pacientes
acamados ou com dificuldade de movimentos a cada duas horas pelo menos, a fim de aliviar os pontos 
de pressão da pele nas áreas de maior risco. Pessoas em cadeiras de rodas, que permanecem sentadas
durante muito tempo, devem mudar de posição com mais frequência, a cada dez ou quinze minutos.
São também medidas preventivas indispensáveis a higiene e hidratação da pele, que deve ser mantida
sempre limpa e seca, a dieta balanceada e rica em proteínas e a fisioterapia ativa e passiva.

Tratamento
O tratamento para as escaras varia de acordo com a gravidade e extensão das lesões.
Lesões iniciais nos graus 1 e 2 e até mesmo no grau 3, se forem pequenas,  costumam 
regredir por si mesmas, desde que a pressão sobre a pele seja interrompida e os cuidados profiláticos
 (as medidas preventivas já citadas) forem mantidos. 
Há casos, porém, em que pode ser necessário recorrer ao uso de antibióticos e curativos especiais.
Úlceras que atingiram o grau 4 podem demandar uma intervenção cirúrgica de desbridamento para eliminar
os tecidos infectados e mortos, assim como um transplante de pele para facilitar o fechamento da ferida.
A osteomielite – infecção óssea causada por bactérias provenientes de um foco infeccioso com origem nas escaras
 – é uma complicação grave  e de tratamento difícil dessas lesões de pele.

Recomendações
Sempre é bom relembrar que o melhor remédio para as escaras é evitar que elas se formem nas áreas mais sensíveis à pressão.
 Existem alguns recursos úteis para ajudar as pessoas que correm maior risco:




* usar colchões de água, ar, ou gel de silicone e almofadas de proteção para
 aliviar a pressão nas regiões
 mais vulneráveis à compressão;
* examinar a pele de todo o corpo, especialmente nos pontos de pressão;
* não esfregar a pele durante os cuidados básicos de higiene pessoal;
* secar bem a pele depois do banho e hidratá-la convenientemente;
* dar preferência à roupa de cama de algodão, que deve ser bem esticada 
e livre de dobras que possam pressionar ou macerar a pele;
* trocar com frequencia as fraldas dos pacientes com incontinência urinária ou fecal;
* estimular a movimentação respeitando sempre as possibilidades físicas e motoras do paciente.

Áreas que aparecem mais escaras

Pontos de pressão mais intensa de acordo com a posição.
 Observe que a figura na posição vertical demonstra os pontos no dorso 
de uma pessoa deitada.