quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Nova fábrica deverá empregar até 2016 cerca de 3.000 pessoas em Pernambuco



Novo Jeep Renegade será construído em fábrica no Brasil
Novo Jeep Renegade será construído em fábrica no Brasil
A FCA (Fiat Chrysler Automobile) confirmou nesta terça-feira (17) que a fábrica construída no Estado de Pernambuco para produzir o novo Jeep Renegade será inaugurada no próximo dia 28 de abril. Além da planta, a mais moderna de todo o grupo, o investimento da FCA inclui um CPD (Centro de Pesquisa e Desenvolvimento) e a rápida multiplicação de concessionárias da Jeep no País, o que transformará o Brasil em uma peça-chave da expansão mundial da marca.
Construída na cidade de Goiana, situada a cerca de 60 km ao norte de Recife, a nova unidade é “o maior projeto industrial na história do grupo”, explicou à Agência Efe o diretor-executivo de Manufatura da FCA, Stefan Ketter.
— Será a planta mais eficiente e avançada, com capacidade de produzir 250 mil veículos ao ano, e parte de um projeto no qual investimos mais de R$ 7 bilhões. É a primeira fábrica da Jeep na América do Sul.
‘Anti-EcoSport’ da Fiat-Chrysler, Renegade terá preços competitivos
Ketter explicou que o grupo escolheu Pernambuco porque o estado registra “o maior crescimento do PIB (Produto Interno Bruto) no País, tem um dos maiores ‘Vale do Silício’ do Brasil, e o porto de Suape é um dos mais modernos e mais ao leste (do território nacional)”.
A unidade também é a primeira da FCA montada seguindo um novo conceito que agiliza a produção e incorpora as últimas novidades em termos ambientais e de desenvolvimento social.
— O conceito da fábrica é chave porque permite muita eficiência, já que queremos uma unidade muito comunicativa, rápida em decisões. Para fazer isso, colocamos no coração da planta o centro de comunicações. Nossa filosofia é que o gerente da fábrica esteja no centro de comunicações (um conceito aberto no qual não há escritórios) e, em 2 ou 3 minutos, seja capaz de ver fisicamente toda a unidade.
A nova fábrica deverá empregar até 2016 cerca de 3.000 pessoas. Porém, junto com o CPD de Recife e os funcionários administrativos, a FCA espera gerar 4.500 novos postos de trabalho em Pernambuco. O CPD de Recife será especializado em engenharia de motores para todo o grupo da FCA, contando com 500 engenheiros, 70% deles contratados no país. Além disso, a empresa também instalará no estado um centro de software para produzir programação de controle dos motores.
— É realmente um polo automotivo. Junto à nova unidade, a FCA construiu dois parques onde estão se instalando fornecedores como Magneti Marelli, Denso, Pirelli ou Lear, que produzem componentes para a montagem do Renegade.
O primeiro parque de fornecedores será ocupado por 16 empresas que devem empregar 4.000 pessoas, proporcionando 40% das peças necessárias para a produção do Renegade. Ketter destacou que 80% das autopeças do veículo serão nacionais e que o objetivo da Jeep é aumentar essa porcentagem o máximo possível.
— Estrategicamente é o correto. A princípio é muito complicado, mas para o futuro proporciona segurança à fábrica. Algumas partes fundamentais não podem ser produzidas no Brasil, mas estamos no processo de desenvolver fornecedores para esses componentes.
Na construção da unidade e no primeiro parque de fornecedores, a FCA empregou cerca de 9 mil pessoas, a maior parte delas de Pernambuco e procedentes do setor agrícola.
— Oferecemos a todos a possibilidade de serem candidatos as vagas abertas na fábrica ou no parque de provedores.
O diretor-executivo de Manufatura expressou sua admiração pelo espírito e a criatividade dos trabalhadores, citando como exemplo que antes mesmo do início do funcionamento da unidade de Goiana, os operários que estão sendo capacitados já foram capazes de melhorar os processos de produção.
— Goiana tem uma ‘miniplanta’ onde capacitamos os operários e melhoramos os processos antes de implementá-los à linha. Não se pode esquecer que eles nunca tinham produzido um veículo antes. Eram agricultores ou peões. Eles não só montaram o carro, mas fizeram mais de 1.000 propostas para melhorar a fábrica. As ideias estão sendo enviadas à unidade de Pomigliano (Itália), onde o Renegade é produzido para a Europa.
Pensando também no lado social, a FCA montou um programa na cidade de Igarassu para ampliar a escolarização infantil em uma reunião onde há um elevado problema de faltas e reprovações. Um hospital também está sendo construído em outro município. Com relação ao meio ambiente, a FCA e a Jeep iniciaram um projeto de reflorestamento prestando atenção à biodiversidade original de Pernambuco.
— A cana de açúcar destruiu a biodiversidade da região, que ficou reduzida a 20% do original. Evitamos mudas que não são nativas e optamos por 50 plantas e árvores que estão em perigo crítico de extinção.
Copyright Efe – Todos os direitos de reprodução e representação são reservados para a Agência Efe
Fonte:http://www.classiracing.com.br/?p=413

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Quando você chegar perto do sonho




Quando você chegar perto do sonho
Não se esqueça de olhar pra trás
E ver quem ficou esperando por você
Dia e noite
Pra ouvir o seu novo canto
Quando você chegar perto do sonho
Não se esqueça de somente agradecer
A Deus e a todos que lhe ajudaram
Por toda mão e palavra de força
Por toda dificuldade encontrada
Quando você chegar perto do sonho
Não se esqueça de ser feliz e festejar bastante!

Estudante da EREM Regina Pacis embarca rumo à Nova Zelândia através do PGM

Na última quarta-feira, 28/01/2015, o estudante do 2º Ano "C", desta Instituição de Ensino, Erivelton Félix da Silva embarcou com destino a Auckland, na Nova Zelândia. Ele foi selecionado para participar do Programa Ganhe o Mundo (PGM), e vai ficar seis meses no exterior morando em casa de família estrangeira, estudando em escola regular do local, e aprimorando o idioma.

"Me vejo como uma pessoa mais realizada do que já era. Essa experiência vai multiplicar tudo que minha mãe me ensinou. Queria dizer a todos aqueles que não têm boas condições financeiras, assim como eu, que não desistam de seus sonhos e se esforcem para realizá-los", disse Erivelton em entrevista a SEE.

http://www.educacao.pe.gov.br/portal/?pag=1&cat=37&art=2223 

Boa Sorte!
A Direção
fonte:http://escola-reginapacis.blogspot.com.br/2015/02/estudante-da-erem-regina-pacis-embarca.html





Ganhe o Mundo embarca primeiros alunos em 2015


Governador acompanhou despedida dos 18 estudantes, que farão intercâmbio nos Estados Unidos



A catadora de lixo Edileuza da Silva Trajano, 38 anos, não cabia em si de tanta felicidade. Ela juntou o marido, que tem a mesma profissão, e cinco dos seus seis filhos para acompanhar o embarque de Stella, a mais jovem entre as mulheres, que, aos 17 anos, seguiu para fazer intercâmbio em Minnesota, nos Estados Unidos. O sonho de Edileuza só foi possível graças ao programa Ganhe o Mundo, do Governo de Pernambuco, que embarcou sua primeira turma de 2015 neste domingo (18). O governador Paulo Câmara fez questão de acompanhar a despedida dos jovens no Aeroporto Internacional do Recife, reforçando o compromisso de manter e ampliar a iniciativa criada no Governo Eduardo Campos, que é pioneira no Brasil.

“Eu nunca teria condições de proporcionar uma experiência dessas para Stella”, comemorou Eileuza, com os olhos marejados. Ainda sem acreditar no que estava vivendo, a estudante disse ter certeza que muitas portas irão se abrir para ela após a temporada fora. “A realidade da minha família vai mudar; a vontade de melhorar é muito grande”, pontuou Stella, que passará seis meses no exterior.

Paulo Câmara elogiou o empenho dos 18 jovens selecionados pelo programa. “Eles estão aqui por mérito próprio e isso prova que, com dedicação, é possível vencer obstáculos e alcançar objetivos. Além de oferecer novas perspectivas no campo profissional, o intercâmbio amplia a visão de mundo do jovem, que muitas vezes nunca teve a oportunidade de sair da sua cidade”, ressaltou o governador, que estava acompanhado da primeira-dama do Estado, Ana Luíza Câmara, e da filha Clara.

Aos colegas que ainda estão concorrendo a uma vaga, Renata Soares, 17, reiterando as palavras do governador, argumentou que nada na vida é fácil e que os amigos precisam se empenhar para assegurar um espaço nas próximas viagens. "Com empenho e muito esforço a gente sempre chega lá”, disse a jovem. João Paulo Lopes, 17, lembrou a responsabilidade de representar Pernambuco. “Temos que chegar lá fora e fazer a diferença, mostrando nosso potencial e multiplicando a cultura pernambucana.”

NOVOS EMBARQUES – Uma experiência única em termos de política pública no Brasil e capaz de transformar o destino de um jovem com poucas oportunidades. Essa é a definição do Ganhe o Mundo, que foi criado em 2011 e já proporcionou o intercâmbio de mais de 3.400 jovens pernambucanos. Dois novos grupos com destino ao Canadá e Nova Zelândia embarcam ainda este mês. Em 2015, serão 1.400 estudantes beneficiados pelo programa - esses alunos também seguirão para Austrália, Espanha, Chile, Argentina, Uruguai e Panamá.

De acordo com o secretário estadual de Educação, Fred Amâncio, o programa teve uma atuação muito maior do que a expectativa inicial, pois aumentou a autoestima de cidades inteiras. “Todos têm orgulho de ter um conterrâneo embarcando pelo Ganhe o Mundo. Esses pernambucanos, que hoje partem para os Estados Unidos, servem de inspiração para todo o município”, completou Fred, pontuando que o aluno selecionado pelo programa não tem nenhuma despesa com a viagem. “O projeto garante a matrícula em uma escola de Ensino Médio, plano de saúde, hospedagem em casa de família e uma bolsa de no valor de R$ 716”, detalhou.

Fonte: Secretaria de Imprensa de Pernambuco
Foto: Wagner Ramos/SEI